Elementos do Design – conheça e saiba como usar corretamente

Em meu curso Design para Não Designers apresento aos alunos os 7 elementos do design gráfico. É uma aula bem intensa e de grandes descobertas por parte de quem é leigo no assunto.

É incrível ver como o simples fato da pessoa tomar consciência destes elementos já apura o bom gosto visual, e consequentemente permite avaliar e desenvolver peças do design de forma mais técnica e assertiva.

Este artigo é para você se:

  • Mesmo sendo amador em relação ao design deseja criar composições visualmente atraentes;
  • É leigo em design porém quer aumentar sua capacidade de avaliação técnica de peças de comunicação visual;
  • Como designer principiante está buscando aprender os fundamentos do design.

Vamos então analisar os 7 elementos do design: o ponto, a linha, a forma, a cor, a textura, a massa e o espaço.

O Ponto

O Ponto é o elemento mais simples e básico da comunicação visual, porém nem por isso deve ser subestimado.

Chamamos de Ponto tudo aquilo que é pequeno em relação aos elementos que o cercam e possui um formato relativamente simples.

Na figura da esquerda você pode ver uma estrela, certo? Essa estrela é uma Forma, e não um ponto. Porém observe na figura da direita, onde a mesma estrela “deixa” de ser uma Forma e pode ser considerada um ponto, devido a sua proporção em relação ao espaço que a cerca.

A Linha

Um Ponto em movimento forma uma Linha.

Uma Linha pode ter a grossura variada, ser reta ou curva, contínua ou pontilhada – ou seja, ela assume diversas formas que influenciam no estilo da composição, ajudam na organização do espaço e dão direção ao olhar.

Por exemplo, uma linha curva guiará o olhar da pessoas de um lado ao outro, gerando uma experiência dinâmica, enquanto que uma linha pontilhada pode dar a sensação de pausas no olhar.

É importante deixar claro que diferentes elementos da composição gráfica podem assumir o papel de Linha: uma sequência de palavras, um conjunto de fotografias, uma sequência de símbolos, etc.

Vamos ao próximo elemento do design:

A Forma

Um conjunto de linhas que formam um objeto é denominado Forma.

Triângulos, quadrados, círculos, ou qualquer outro objeto abstrato são considerados Formas – algumas mais simples outras mais complexas.

Assim como os demais elementos do design, as Formas também estão associadas em nossa mente a diferente sensações e movimentos. Por exemplo formas mais arredondadas remetem a conforto, enquanto que retangulares nos remetem a estabilidade.

Que fique claro que Formas não são sinônimo de desenhos, pois blocos de texto e fotografias dependendo da composição também podem ser considerados formas.

A Cor

Dizer que as cores estão em tudo não é exagero, pois até o preto e o branco são considerados cores.

As cores estão associadas em nossas mentes a diferentes sensações: algumas trazem calma, outras nos agitam. Algumas tristes, outras felizes e assim por diante.

Elementos do design - Guia Emocional das Cores
A Cor é um dos elementos do design… neste infográfico é possível ver a mensagem que cada marca deseja passar com as cores de seus logos.

Algumas pessoas consideram a Cor o principal elemento do design devido a sua importância, porém é um equívoco pensar que um elemento é mais importante que outro.

Antes de continuarmos falando sobre os elementos do design eu gostaria de lembrá-lo de que você NÃO precisa aprender softwares complicados e caros como Photoshop e Illustrator para criar belos logos, posters, convites, cartões de visitas, posts para redes sociais, etc.

No curso Design para Não Designers você aprende de forma leve e totalmente on-line os princípios do design e a aplicação dos mesmos, para que você através de um conjunto de vídeo aulas e exercícios práticos consiga analisar e desenvolver peças de design sem precisar dominar técnicas e softwares complexos.

A Textura

Quando falamos em Textura nos referimos tanto a tátil quanto a visual. Por exemplo, ver a foto de uma lixa já cria determinada sensação em sua mente.

A lista de diferentes texturas é quase infinita: madeira, pedra, algodão, papel, vidro… e por ai vai.

A textura geralmente é usada como um elemento fortalecedor da imagem principal, e deve ser usada com muito cuidado para não causar ruído desnecessário na comunicação visual.

A Massa

A massa trata do tamanho do objeto.

Elemento massa no design gráfico

O tamanho é sempre relativo. Na figura acima ambos círculos têm as mesmas dimensões, porém a massa do segundo parece maior devido ao local onde está inserido.

Por esse motivo que devemos evitar preencher os espaços com muitos elementos, ou com elementos grandes afim de não poluí-los (a não ser que isso seja seu objetivo como designer).

O Espaço

O Espaço que os elementos devem ocupar não é todo o espaço. É necessário sempre o que chamamos de espaço negativo, ou espaço em branco.

Espaço - um dos elementos do design

Na figura da esquerda você observa a aplicação de um logo em uma peça com bastante espaço negativo, o que acaba dando destaque ao logo. Já na figura da direita foi criada uma arte onde os elementos preenchem todo o espaço, trazendo grande ruído a comunicação.

A atual corrente que tende ao design minimalista faz muito uso do espaço negativo.

Vale lembrar que o espaço negativo não necessariamente precisa ser branco, ele pode assumir diferentes cores e até texturas.

Observações sobre os elementos do design?

Como mencionado diversas vezes anteriormente, cada elemento e suas características instigam determinado significado em nossas mentes, e este significado é bastante particular pois se baseia nas memórias e experiências pessoais.

Contudo anos de estudos e observação permitiram detectar padrões em significados que podem sim ser generalizados para uma melhor comunicação visual. Um exemplo claro disso é a cor vermelha representar agitação enquanto que a azul representa calmaria. Apesar de ser impossível afirmar que todo o ser humano da esses significados a essas cores, é possível sim dizer que na maioria dos casos isso é uma verdade.

E a mesma lógica pode ser usada para todo o restante dos elementos do design e seus respectivos significados.

Bem, agora que você conhece os elementos básicos do design é capaz de identifica-los nas peças gráficas que verá de agora em diante. Essa habilidade permitirá a você desenvolver comunicação visual assertiva.

Gostaria ainda de deixar o convite para você conhecer a página do o Design para Não Designers… um curso que desenvolvi especialmente pensando nos leigos e iniciantes em design. No curso apresento um conteúdo selecionado que rapidamente pode ser colocado em prática para aperfeiçoar sua comunicação visual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *